sombrio

O lado sombrio do servir

Pois não nos pregamos a nós mesmos, mas a Jesus Cristo, o Senhor, e a nós como escravos de vocês, por amor de Jesus. Pois Deus que disse: “Das trevas resplandeça a luz”, ele mesmo brilhou em nossos corações, para iluminação do conhecimento da glória de Deus na face de Cristo. Temos, porém, este tesouro em vasos de barro, para que a excelência do poder seja de Deus, e não de nós. (2 Coríntios 4:5 a 7)

São palavras de um servo sincero, humilde, de coração aberto. Nós, os crentes, recebemos um tesouro de enorme valor (o glorioso evangelho) num vaso muito frágil e perecível (nosso fraco corpo). E existe uma razão para isso: é para que ninguém tenha dúvida de que esse poder tem origem em Deus, e não no ser humano.

Continuar Lendo

Nossa reação a essa responsabilidade

“Vocês são o sal da terra. Mas se o sal perder o seu sabor, como restaurá-lo? Não servirá para nada, exceto para ser jogado fora e pisado pelos homens. “Vocês são a luz do mundo. Não se pode esconder uma cidade construída sobre um monte. E, também, ninguém acende uma candeia e a coloca debaixo […]

Continuar Lendo
ideias erradas

Algumas ideias erradas

Gostaria de mostrar três ideias erradas com relação à condição de servo, e que são bastante conhecidas.

1- Os servos possuem poderes especiais deles próprios (Versículo 5). Como é fácil, às vezes, enxergarmos os servos de Deus através de uma lente cor de rosa, quase como se possuíssem uma unção mística, divina, ou um manto angelical, que faz com que pareçam estar revestidos de uma névoa do sobrenatural, de um poder celeste. Lembremos bem disso, os servos também são humanos, com todas as fraquezas dos outros homens e com as mesmas possibilidades de erro.

Continuar Lendo
bem-aventuranças

As bem-aventuranças: três observações

1- Aqui estão oito traços de caráter que identificam o verdadeiro servo. Quando esses oito traços são encontrados numa vida, temos o equilíbrio. Seria bom entendermos que não se trata de um processo de múltipla escolha, em que temos a liberdade de escolher aqueles que mais nos agradam. O Salvador foi muito claro ao apresentar as qualidades que produzem o estilo de vida que lhe agrada.

Continuar Lendo

Apropriando-nos das instruções de Cristo

Pois bem, se eu, sendo Senhor e Mestre de vocês, lavei-lhes os pés, vocês também devem lavar os pés uns dos outros. Eu lhes dei o exemplo, para que vocês façam como lhes fiz. Digo-lhes verdadeiramente que nenhum escravo é maior do que o seu senhor, como também nenhum mensageiro é maior do que aquele […]

Continuar Lendo

A autodescrição de Jesus

“Venham a mim, todos os que estão cansados e sobrecarregados, e eu lhes darei descanso. Tomem sobre vocês o meu jugo e aprendam de mim, pois sou manso e humilde de coração, e vocês encontrarão descanso para as suas almas.” (Mateus 11:28-29) Há bem mais de 20 anos estou fazendo um estudo detalhado das Escrituras, e […]

Continuar Lendo
nosso perdão, pessoas, caminhando

Nosso perdão de uns para os outros

“Portanto, se você estiver apresentando sua oferta diante do altar e ali se lembrar de que seu irmão tem algo contra você, deixe sua oferta ali, diante do altar, e vá primeiro reconciliar-se com seu irmão; depois volte e apresente sua oferta. (Mateus 5:23, 24) Este texto dá uma descrição sucinta da atitude correta e […]

Continuar Lendo