Quando Mardoqueu recebeu a resposta de Ester, mandou dizer-lhe: “Não pense que pelo fato de estar no palácio do rei, de todos os judeus só você escapará, pois, se você ficar calada nesta hora, socorro e livramento surgirão de outra parte para os judeus, mas você e a família de seu pai morrerão. Quem sabe se não foi para um momento como este que você chegou à posição de rainha? ” Então Ester mandou esta resposta a Mardoqueu: “Vá reunir todos os judeus que estão em Susã, e jejuem em meu favor. Não comam nem bebam durante três dias e três noites. Eu e minhas criadas jejuaremos como vocês. Depois disso irei ao rei, ainda que seja contra a lei. Se eu tiver que morrer, morrerei”. Mardoqueu retirou-se e cumpriu todas as instruções de Ester. (Ester 4:12-17)

Durante os três dias de espera, há um ‘espaço em branco’ quando nada está acontecendo, pelo menos nada visível. Você poderia facilmente pensar no momento: “Estou esperando em vão. Nada vai mudar”. É exatamente isso o que o inimigo quer que pense: “Esperar é perda de tempo”. Não creio nisso! Quando a mensagem do inimigo entra em sua mente, você deve expulsá-la. Rejeitá-la. Leia um versículo de Isaías, apenas alguns versículos depois daquele da “águia”.

Por isso não tema, pois estou com você; não tenha medo, pois eu sou o seu Deus. Eu o fortalecerei e o ajudarei; eu o segurarei com a minha mão direita vitoriosa. […] Pois eu sou o Senhor, o seu Deus, que o segura pela mão direita e lhe diz: Não tema; eu o ajudarei. ” (Isaías 41:10 e 13)

Foram esses pensamentos que certamente fortaleceram Ester enquanto ela aguardava, orava e jejuava naqueles três dias. Mardoqueu fez o mesmo, como Ester ordenara. Mas os papéis deles estavam agora invertidos. Ele não mais predominava, e sim Ester. Ou, melhor ainda, o Senhor tinha o controle. À medida que o Senhor entrava em seu coração, ela perdeu o medo do que tinha de enfrentar.

Esse pode ser um daqueles ‘espaços em branco’ em sua vida. Talvez esteja na hora de orar, jejuar e chamar alguns amigos íntimos para jejuar e orar com você. É possível que seja tempo de você dizer: “Não vou me precipitar nesta situação imprevisível e sem precedentes. Não encontro o caminho pelo qual andar. Vou então esperar. Enquanto isso, entregarei as coisas a Deus. Vou ouvir com atenção e observar a liderança do Senhor com olhos sensíveis”.

Deus nos aconselha com seu olho. O olho não faz ruído quando se move. É necessário um olho terreno sensível para observar o movimento do olho de Deus, as instruções de Deus. Pode ser que ele apenas desvie sua atenção para outro lugar. Mas isso pode ser tudo o que você necessita. Enquanto espera, ouça. Leia uma passagem favorita em sua Palavra. Dê, silenciosamente, ouvidos à sua presença e Ele lhe dará direção.

Dia a dia com os heróis da FéDr. Charles R. Swindoll

como barro
estou aqui
Charles R. Swindoll

Charles R. Swindoll tem dedicado a sua vida ao ensino preciso e prático da Palavra de Deus e sua aplicação. Desde 1998, atua como pastor-professor sênior na Stonebriar Community Church, igreja da...

Ver todos os posts

Posts relacionados