Como as narrativas do nascimento de Cristo, os contos de Sua crucificação e ressurreição são tão familiares para nós que podemos perder a verdadeira intensidade desse evento inesperado. Embora Jesus tenha advertido seus discípulos, eles não estavam totalmente preparados para o trauma da Sua morte, ou o choque da Sua ressurreição. Devido ao fato de sabermos o resultado, é difícil para nós nos identificarmos com o que devem ter sentido.

Embora nós poderíamos desejar ter visto o nascimento de Jesus, quem gostaria de ter visto a Sua morte cruel e torturante? Poucos querem ler os detalhes do que Ele sofreu. Desinfetamos a Semana Santa com os lírios aromáticos e ovos coloridos.

Mas temos de saber exatamente por que o Pai permitiu que o Seu Filho fosse pendurado na cruz e por que Jesus não escolheu escapar. Precisamos entender a glória de Sua ressurreição. Que mistura de amor e poder podemos ver nestes eventos? É quase como se Jesus pudesse ouvir os louvores com lágrimas dos futuros crentes cantando:

Meu triste pecado, por meu Salvador
Foi pago de um modo cabal!
Valeu-me o Senhor! Oh mercê sem igual!
Sou feliz, graças dou a Jesus! ¹

Os recursos desta página irão ajudá-lo a compreender melhor o que realmente aconteceu quando Jesus morreu e ressuscitou dentre os mortos; por que não havia alternativa, e por que isso faz toda a diferença hoje.


Artigos

blog-grid

Você pode facilmente passar os olhos em 1 Pedro 1:2 e não percerber a Trindade na obra da salvação. Muitos cristãos esquecem, ou pelo menos deixam de apreciar, o fato de que o Pai, o Filho e o Espírito Santo trabalham juntos em perfeita harmonia par...

Continuar lendo
blog-grid

Pergunta: Disseram-me que Jesus morreu pelos meus pecados. O que isso significa exatamente? Como poderia a morte de Jesus me ajudar a chegar no céu? Do que a morte de Cristo me salva?   Resposta: Uma maneira de compreender o significado da morte de ...

Continuar lendo
blog-grid

João Batista teve de lutar com o seu próprio sermão. Ele pregou sobre a vinda do reino do Messias com poder e justiça. Mas em vez disso, o ministério de Jesus centrou-se na pregação e em atos de misericórdia, e João se viu injustamente definhand...

Continuar lendo
blog-grid

Raramente um dos heróis de Deus aparece na Bíblia por ter vivido uma vida sem nenhum fracasso. Veja Pedro, por exemplo. Assim que você lê seu nome se lembra da história dele. Pedro experimentou os extremos altos e baixos da vida: dos dias passados na...

Continuar lendo
blog-grid

O som dos balidos de cordeiros e do arrastar dos passos enchiam o templo. Com três toques de trombeta, os sacerdotes anunciavam o início dos sacrifícios da Páscoa. Os adoradores respondiam aos salmos dos sacerdotes com “Aleluias”, enquanto cada ho...

Continuar lendo
blog-grid

Na faculdade teológica fiz um curso de soteriologia, a doutrina da salvação, com o Dr. Charles Ryrie. Ele abriu a primeira palestra com esta instrução: “Tire uma folha de papel. Você tem menos de um minuto para compartilhar o Evangelho com um estr...

Continuar lendo